Barry White Gone Wrong sobre “Done”: «Este álbum não teve que ser tão “polido”»

Barry White Gone Wrong

Peter De Cuyper (voz), Carlos Borges (baixo), Pedro Frazão (bateria), Mário Moral (guitarra) e Miguel Décio (guitarra e voz), são Barry White Gone Wrong que estão a apresentar o segundo álbum do grupo, “Done”, depois do sucesso alcançado com o disco de estreia, em 2017, com o álbum “Tornado”. Rock and roll, soul e blues de regresso depois de muitos quilómetros de estrada liderados pela icónica voz do belga Peter De Cuyper, que faz lembrar Leonard Cohen, e que é backing vocal de António Zambujo.

Os BWGW formaram-se em Oslo, na Noruega. O nome tem origem no título de um artigo sobre o EP da banda anterior de Peter, “Le Divan”. O autor do artigo achou que a voz rouca e grave de Peter assemelhava-se à do próprio Barry White, mas que a parte da composição musical da banda soava “diferente”, como se o Barry White tivesse ido por um caminho… errado.

O Miguel veste o papel de guia turístico quando não está a tocar com os BWGW. O Mário habitualmente anda nas nuvens como trabalhador da TAP. O Pedro estuda na Escola Superior de Música. O Peter é belga e trabalha em várias frentes da indústria musical (nesta entrevista percebeu que pode vir a dobrar desenhos animados).

Vamos conhecê-los melhor nesta gargalhante conversa.

Os BWGW tocaram e cantaram ao vivo e sem qualquer suporte extra nos estúdios da Rádio Voz de Alenquer.

Barry White Gone Wrong ao vivo na RVA from Daniela Azevedo on Vimeo.

Através de canções como o manifesto anticapitalista de ‘Choices’, o dueto soul entre Peter e Décio, a balada de desamor ‘She Loves a Singer’, disponível mais abaixo, ou a despedida em tons de folk da última faixa, ‘Done’, faz deste novo trabalho a mistura perfeita de rock, blues e loucura. “Done” é produzido por Tiago Albuquerque e Miguel Décio e foi gravado nos estúdios Black Sheep por Bruno Xisto que esteve também a cargo das misturas e masterização.

Daniela Azevedo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.