Fábia Rebordão: «A inclusão de bateria tornou o fado mais abrangente» [vídeo]

Daniela Azevedo e Fábia Rebordão no NOS Alive 19

Considerada uma das vozes de referência do “fado novo”, Fábia Rebordão marcou presença no último dia do EDP Fado Cafe, no Nos Alive, e a sala foi pequena para a dimensão do seu talento, qualidade vocal e simpatia numa curta conversa comigo.

Entre palcos nacionais e internacionais, o ano de 2016 foi o regresso de Fábia Rebordão aos discos com “Eu”. A produção do novo disco foi assinada novamente por Jorge Fernando, mas desta feita com os “jovens” New Max e Hugo Novo. Além de composições da própria artista, tem a colaboração de Rui Veloso, Jorge Fernando, Dino d’Santiago, Tozé Brito e Pedro da Silva Martins na autoria dos temas. Um disco que tem a alma de fado, mas que congrega as diferentes referências musicais da artista, numa identidade sonora muito própria.

Em fevereiro deste ano, Madonna, cada vez mais rendida à cultura lusitana e ao fado, partilhou o teaser de um vídeo onde surge com Fábia Rebordão. Ao fundo ouve-se o fado ‘Casa da Mariquinhas’. «Senti bastante o impacto desse momento, sobretudo nas redes sociais. Toda a gente me perguntava se eu ia entrar no novo álbum da Madonna e eu não respondia para deixar o suspense no ar», brinca a fadista, numa super relaxada conversa em noite de Nos Alive, disponível mais abaixo.

Em 2020 Fábia Rebordão prepara-se para gravar um novo álbum que deixa antever novos trilhos na história do fado.

Imagem: Filipe Pedro

Daniela Azevedo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.