Ivo Dias sobre o álbum novo: «Tentei fazer fusões em todas as músicas»

Ivo Dias

Ivo Dias lançou no final do ano passado o álbum “#Guerreiro”, o segundo enquanto artista a solo, depois de, em 2007, ter lançado “Se7e”.

Cantautor brasileiro, Ivo Dias apresentou-se na sua estreia a solo apenas com voz e violão a cantar em português com sotaque brasileiro.

Já este segundo trabalho é composto por novos temas inéditos cantados em português e com a participação de André Rosinha, no contrabaixo, Carlos Garcia, no piano, Diogo Duque, no trompete, e Iuri Oliveira, na percussão.

Em “#Guerreiro”, o músico expõe a sua própria inspiração, história e evolução, fazendo a ligação do clássico ao contemporâneo, do antigo ao moderno, do passado ao presente… com vários elementos da lusofonia como o fado, a bossa-nova e a morna.

Com um glamouroso café à frente, foi assim que conversámos numa destas tardes geladas de janeiro no Casino de Lisboa. A conversa pode ser ouvida aqui na íntegra.

‘Fado Blues’ foi o primeiro single, a que se seguiu ‘Vê o Que Quer’, em colaboração com Isabel Mesquita, o tema disponível mais abaixo.

Daniela Azevedo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.